18.5.10

Andorra

O principado de Andorra está localizado entre os países da Espanha e França. Os primeiros habitantes do território foram os cartagineses, posteriormente ocorreram invasões dos romanos, vândalos, suevos, alamanos e godos.
Em 1803, o imperador franco Carlos Magno conquistou o território e definiu os limites e fronteiras da região. Assim, muitos atribuem a independência de Andorra a Carlos Magno e seu filho Luís I.
Posteriormente, a propriedade territorial foi passada ao bispo espanhol de Urgel. Em 1278, foi assinado um tratado de paridade, que pretendia organizar o vale de Andorra. Esse tratado estabeleceu a divisão administrativa da região para o bispo de Urgeu e aos condes de Foix.
Os direitos dos condes de Foix foram passados para a Coroa francesa em 1607, e em seguida, passados ao chefe de Estado francês. Andorra ficou novamente dividida politicamente entre o bispado espanhol de Urgel e o Estado francês.
Somente em 1993 foi aprovada uma Constituição que definiu Andorra como Estado soberano. No entanto, o presidente da França e o bispo de Urgel continuam formalmente como chefes de Estado, mas o poder é de fato transmitido ao chefe de governo local, eleito pelo parlamento.
Localizado nos Montes Pirineus Orientais, Andorra atrai anualmente quase 3 milhões de turistas, isso ocorre em virtude das estações de esqui e suas belezas naturais. Além do turismo, a economia se baseia também em transações financeiras. Em 2000, a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) incluiu Andorra na lista de países considerados paraísos fiscais.


Por Wagner de Cerqueira e Francisco - Graduado em Geografia - Equipe Brasil Escola

Nenhum comentário:

Postar um comentário