26.1.10

As maiores audiências da TV

A história das últimas décadas vista pela telinha
por Álvaro Silva

A televisão nasceu lentamente. Sua primeira demonstração foi feita em 1926, em Londres. Em 1935, na Alemanha de Hitler, é inaugurado o primeiro serviço público de televisão. A BBC surge no ano seguinte. Daí para a frente, a TV mudaria os costumes e influenciaria a cultura do mundo todo.

1964 - Beatles
Em 9 de fevereiro, Lennon, McCartney, Harrison e Ringo subiam no palco do Ed Sullivan Show, em Nova York, e tiveram uma audiência recorde de 73 milhões de pessoas só em terras norte-americanas. Era o início da beatlemania

1969 - O homem na Lua
A transmissão dos passos de Neil Armstrong na Lua foi internacional: em 20 de junho, 47 países viram ao vivo o austronauta desembarcar da Apolo 11. Na época, o mundo tinha 200 milhões de televisores, mas estima-se que 700 milhões de pessoas acompanharam a conquista, o que representava um quinto da população do planeta

1970 - Copa via satélite
A corrida espacial impulsionou a audiência da Copa de 70. O Mundial do México foi o primeiro a ser transmitido ao vivo, via satélite. Na final, em 21 de junho, a vitória brasileira igualou-se à audiência da Nasa conquistada com o pouso na Lua

1981 - Charles e Diana
Os aparelhos de TV ultrapassavam 300 milhões quando a BBC transmitiu o casamento do príncipe de Gales. O evento de 29 de junho durou seis horas, e a emissora utilizou 60 câmeras para que todos os detalhes fossem vistos pelo público de 750 milhões. Mas, no momento em que Lady Di e Charles trocavam alianças, o arcebispo de Cantuária encobriu os noivos. Ninguém viu a cena.

1985 - Live Aid
O recorde dobrou para 1,6 bilhão em 13 de junho, durante as 16 horas do concerto Live Aid. Havia dois palcos (na Filadélfia e em Londres): a TV os unia. Criado para ajudar as vítimas da fome na África, o show contou com Madonna e Fred Mercury, do Queen

1987 - O Papa reza o terço
O Ano Mariano de 1988 começou seis meses antes. E as orações do papa chamaram a atenção de quase tanta gente quanto o megashow de dois anos antes. Foram 1,5 bilhão de fiéis que pararam diante da televisão em 6 de junho de 1987. O rosário puxado em latim por João Paulo II, em Roma (Itália), teve resposta ao vivo nos cinco continentes, em 29 países

1994 - Tenores na Copa
Quase dez anos depois do recorde do Live Aid, a população do planeta havia saltado de 4,8 para 5,6 bilhões. A seleção brasileira voltava a campo, agora nos Estados Unidos, para conquistar o tetra. Mas as vitórias magras do time de Carlos Alberto Parreira perderam para o show de encerramento com Luciano Pavarotti, Plácido Domingo e José Carreras, visto por 1,3 bilhão de pessoas

1997 - Morte de Lady Di
Em 1996, o número de aparelhos de televisão no mundo havia ultrapassado, pela primeira vez, a marca de 1 bilhão. Um ano depois, morria num acidente de automóvel a princesa Diana, famosa desde o recorde de audiência de 16 anos atrás. O funeral aconteceu em 6 de setembro. E, em 187 países, cerca de 2,5 bilhões de pessoas acompanharam a despedida pela telinha

2001 - A queda das torres gêmeas
Na virada do século, os canais de TV a cabo se proliferaram, assim como as redes mundiais de notícias. Em 11 de setembro, Bin Laden fez 3,5 bilhões de pessoas (mais da metade da população mundial, de 6,1 bilhões) sintonizarem esses canais para ver a queda do World Trade Center

2004 - Olimpíadas de Atenas
O esporte continua em alta. A abertura dos Jogos Olímpicos de Atenas, em 13 de agosto, foi vista por mais de 3 bilhões de pessoas. Mais que isso: durante os 16 dias de competição, quase 4 bilhões deram pelo menos uma olhadinha na disputa pelas medalhas. Ou seja, a Olimpíada fez com que 60% da população mundial, estimada em 6,4 bilhões, se voltasse para a TV

6 comentários:

  1. Legal, bem ilustrativo.

    Mas será que os números mais recentes computam os que assistem a programação de tv pela internet?

    ResponderExcluir
  2. INTERESSANTE CARA EU SEMPRE PESQUIZEI SOBRE ISSO NO GOOGLE NUNCA ACHEI!!!

    ResponderExcluir
  3. a queda das torres foi show, gostaria que acontecesse de novo, mas no brasil pra poder ver ao vivo

    ResponderExcluir
  4. Mas com a Internet e celular esses números de hoje em dia devem ser maiores que os computados

    ResponderExcluir
  5. Muito dinâmico e inteligente!

    Gostei de relembrar alguns desses momentos q eu pude ver *-*

    Queria ter presenciado todos kkkkkkk

    Sucesso!

    ResponderExcluir