23.6.09

Lula manifesta 'solidariedade' a Sarney sobre crise no Senado

Nesta terça-feira (23), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a manifestar apoio ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), sobre a crise que a Casa atravessa.“A minha solidariedade é porque o presidente Sarney já foi presidente da República. E alguém que foi presidente da República tem muita responsabilidade, tem um passado que lhe garante muitas coisas nesse país. O presidente Sarney está fazendo uma investigação. Finda a investigação, se for provado que houve erro, pune-se quem errou e a vida continua. O que você não pode é paralisar o país por conta disso.”Em entrevista à rádio Capital, em São Paulo, ele criticou o que chamou de “denuncismo” no Brasil e disse que não pode haver “paralisia” no Congresso.Nesta terça, o diretor-geral do Senado, Alexandre Gazineo, deixou a função. A assinatura dele aparece em diversos atos secretos. Na época da assinatura, Gazineo era adjunto de Agaciel Maia, então diretor-geral da Casa. O diretor de Recursos Humanos, Ralph Campos Siqueira, também saiu do cargo. As declarações de Lula foram dadas antes do anúncio da saída dos dois servidores.
Eleições 2010
Lula afirmou que há poucas pessoas no Brasil preparadas para a Presidência da República como a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff. Ele voltou a dizer que é contra a proposta de terceiro mandato e, questionado, mandou um recado à oposição para as eleições de 2010, pedindo “juízo”. Para Lula, uma eventual candidatura de Dilma não deverá ser tratada como questão de gênero. “Quando você vai escolher alguém pra ser candidato a presidente da República, escolhe aquela pessoa que você conhece, que está mais preparada. Hoje eu acho que tem pouca gente preparada no Brasil como está a ministra Dilma”, A ministra não tem comentado o assunto.
Terceiro mandato
O presidente afirmou que não há nada que pudesse acontecer para que mudasse de ideia e passasse a apoiar uma proposta que viabilizaria um terceiro mandato.Ele lembrou que o relator da proposta na Câmara dos Deputados, José Genoino (PT-SP), pediu o arquivamento do projeto. “Você tem um mandato de quatro anos. Se fez um bom governo, você tem outro mandato. Depois, tem que dar lugar para outra pessoa. A alternância de governo é importante porque o povo sempre vai tendo a sorte de poder encontrar uma pessoa melhor, que faça mais, que inove.”
Popularidade e oposição
Em outro momento da entrevista, Lula comparou seus índices de popularidade ao fato de se medir a pressão arterial. “Você fica satisfeito quando a pressão está 12 por 8 e fica preocupado quando está 20 por 14”, disse, em tom de brincadeira. Questionado sobre o que faria se estivesse no lugar da oposição em 2010, Lula disse que tanto ele quanto a oposição têm que torcer para o Brasil “dar certo”. “Achar que só pode ganhar as eleições com desgraça é um equívoco enorme. Como já fui oposição, posso dar um conselho à minha oposição: juízo.”
Fonte:g1.com

Um comentário:

  1. Solidariedade com o Sarney...é brincadeira!!!
    Ele faz o q quer no senado,como se lá fosse a cozinha da casa dele e o presidente é solidário com ele...pelo amor de Deus!!!

    ResponderExcluir